Projeto Missão Diversão

       No dia 17 de junho, foi realizado o projeto ?Missão Diversão? que foi criado por Marcella Bertoluci,16 anos, que está no 3º ano do ensino médio do Colégio Farroupilha. O projeto pioneiro, em parceria com o Juizado da Infância e Juventude de Porto Alegre, visou à aproximação de forma lúdica e divertida de alguns adolescentes e grupos de irmãos acolhidos pelo Abrigo João Paulo II que estão aptos à adoção com as famílias habilitadas no judiciário, o evento ocorreu no pátio do Colégio Farroupilha.

        Marcella enfatiza ?Sempre procurei aproveitar todas as oportunidades que me são oferecidas, e ano passado participei de um evento chamado Utopia Followers, idealizado pela empresa Smile Flame, que me abriu muitas portas?.  Durante algumas semanas, alunos de 4 escolas de ensino médio de Porto Alegre foram convidados a participar do Utopia Followers e promover a criação de um projeto criativo e inovador visando gerar um impacto positivo na sociedade de uma maneira descontraída.

       Com o apoio da Smile Flame, Marcella e alguns colegas ficaram sensibilizados com a situação das crianças de abrigos e decidiram encontrar alguma maneira de ajudá-los. Ao longo das semanas, desenvolveram a estrutura do projeto e ao final do programa optaram por tirar a ideia do papel. Marcella continuou sozinha nesta tarefa de execução, procurando o Juizado da Infância e Juventude e apresentando o Projeto e conseguindo esta importante parceria.

       Neste ínterim Dr. Marcelo Morandin Rodrigues estendeu o convite ao Abrigo João Paulo II, para abraçar este projeto, onde após avaliação dos casos de acolhidos com mais idade e grupos de irmãos com difícil colocação em adoção pudessem participar do projeto, o que foi aceito com muita alegria e satisfação.

      Com a mobilização do Juizado da Infância e Juventude, Ministério Público e voluntários que auxiliaram, além da importante participação e mobilização dos 21 habilitados  que se envolveram de forma unanime durante as reuniões para organização do lanche e da participação nas tarefas da gincana a qual promoveu uma tarde de integração, Marcella colocou em prática seu projeto que foi um sucesso.

        O Abrigo João Paulo II agradece Marcella, Dr. Marcelo e equipe técnica judiciária, Dra. Cinara Vianna Dutra Braga por apostar no compromisso da instituição com as crianças e adolescentes acolhidos, buscando sempre novas alternativas que possam beneficiar o andamento dos processos e da vida de cada um.